Por Ney Felipe

A coleta seletiva minimiza o impacto da produção de lixo que é jogado na natureza, uma vez que alguns materiais levam muito tempo para se degradar, ou seja, a coleta é muito importante para a reciclagem de possíveis matérias-primas que iriam se perder como lixo na natureza.

O bairro Buritis comprou esta ideia no ano de 2004, quando os moradores fundaram o projeto “Recicla Buritis”. No princípio, foi uma parceria entre a Cooperativa dos Catadores da eRgião Oeste (Coopermar) e a associação de moradores do Bairro Buritis, a ABB.

No Ano de 2014, a Superintendência de Limpeza Urbana (SLU), assumiu as ações da coleta seletiva na região. Hoje, disponibiliza caminhões para o recolhimento dos resíduos separados pelos moradores. A coleta seletiva porta a porta no bairro Buritis é realizada sempre às segundas-feiras.

“Atualmente, a coleta porta a porta está presente em 36 bairros, atingindo uma população aproximada de 390 mil pessoas, em 125 mil domicílios. E para participar do processo, basta separar os materiais recicláveis (papel, metal, plástico e vidro), higienizá-los e colocá-los no mesmo saco plástico, no passeio, às 8h, no dia definido para a coleta seletiva da sua rua.” conta a SLU, por meio de sua assessoria.

O QUE É RECICLÁVEL

Para o morador que quer participar, confira os resíduos que podem ser destinados para a coleta seletiva

Papel: jornais, revistas, caixas de papelão, embalagens longa vida, folhas de papel, formulário contínuo, envelopes, cadernos, livros.

Metal: latas de alumínio (refrigerantes, cervejas), latas de metal ferroso (óleo, sardinha, tomate, achocolatados), clipes, grampos de papel e de cabelo, papel alumínio, arames.

A SLU recomenda pressionar as tampas das latas para dentro antes de colocá-las na sacola dos recicláveis, para diminuir o risco de acidentes.

Plástico: sacolas, garrafas PET, embalagens de xampu, recipientes de materiais de limpeza e de alimentos, copos descartáveis e canos.

Vidro: garrafas de cerveja ou refrigerante, frascos de perfume ou medicamentos (vazios e limpos), potes, copos, vidros lisos e planos.

É importante que o vidro esteja embalado em material resistente, como papelão ou embalagem longa vida, para diminuir os riscos de acidentes. No caso da coleta seletiva porta a porta, basta depositar o vidro no interior do equipamento, não o deixando jogado no chão.

Os cidadãos, sempre que possível, devem descartar para a coleta seletiva materiais limpos e secos, para não provocar mau cheiro nem atrair animais.

A ABB, também disponibiliza cartilhas de orientação. Através destes folhetos, os moradores podem orientar-se quanto ao lixo, o que pode ou não ser coletado como resíduos recicláveis e o que evitar.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Os resíduos coletados na região oeste  são levados para a Coopemar Oeste, que fica na Avenida Solferina Ricci Pace, 1.250, Jatobá IV. Para outras informações sobre o processo de coleta seletiva no bairro Buritis, os moradores podem entrar em contato com a ABB, e falar com Francisco Pimentel pelo número 31 99195-3158.